Voos em Oferta

Voos partindo de Brasília para 11 destinos, de janeiro a março, por menos de R$ 750

Airbus da LATAM que realiza voos de Brasília para São Paulo (Foto: Tudo Viagem)

Tarifas incluem ida e volta mais as taxas aeroportuárias; confira os destinos.

De R$ 371 a R$ 772: essa é a faixa de preços de passagens aéreas, ida e volta, saindo de Brasília para 11 destinos nacionais no período de janeiro a março de 2024. A tarifa mais barata é para Campinas (SP) e a mais alta dentro desse intervalo de valores é para Vitória (ES).

Tem ainda bilhetes para Guarulhos, por R$ 420; para São Paulo, por R$ 507; para o Rio de Janeiro, por R$ 554; para Curitiba, por R$ 559; e para Belo Horizonte, por R$ 575.

Na faixa dos R$ 600, tem passagens de Brasília para Campo Grande (R$ 645), Marabá (R$ 662), Salvador (R$ 673) e Palmas (R$ 674). Não fica de fora dessa pesquisa feita pelo Voos em Oferta os embarques para Vitória, por R$ 772.

Nos links abaixo você encontra passagens aéreas para outros destinos, com tarifas acima de R$ 1.000: Florianópolis, por R$ 1.021; São Luís, por R$ 1.036; Recife, por R$ 1.067; e Fortaleza, por R$ 1.178.

Não fique esperando o período de férias se aproximar. Já garanta seus voos para embarques de janeiro a março de 2024.

Embarques em São Paulo

Viajantes que partem de São Paulo também encontram tarifas promocionais para o período de janeiro a março de 2024. A mais barata é para Belo Horizonte, por R$ 307; para Curitiba, por R$ 476; para o Rio de Janeiro, por R$ 489; e para Goiânia, por R$ 494.

A partir de R$ 500 tem bilhetes de ida e volta, com as taxas, para Brasília, Londrina, Recife, Porto Alegre, Vitória e Salvador.

Já garanta as suas passagens aéreas para viajar de férias com tranquilidade e gastando menos.

Voos de Ida e Volta com taxas

Faça aqui a sua pesquisa e garanta desconto na compra das passagens aéreas para outras cidades.

Atenção: O Correio Braziliense e o Correio Web não vendem passagens aéreas, pacotes de viagens ou  realiza reservas de hotéis. Os referidos sites apenas divulgam as promoções, ficando o leitor livre para escolher a melhor opção para a sua viagem.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Correio Braziliense.